Viva a P.S.P.


Há muito se previam os  acontecimentos ontem despoletados pelo bando de potenciais terroristas urbanos. Por toda a Europa existem grupos organizados e subsidiados não se sabe por quem, abastadamente viajando de capital em capital espalhando a destruição e tendo como único fim, a instalação do medo e do caos que prenunciam o minar das instituições garantes do Estado de Direito. Tal sucedeu ontem em Lisboa. Durante uma hora e meia, a PSP foi de uma abnegada dedicação ao seu dever e se suportou durante um tempo infindo as agressões, insultos ditos em português escorreito – ou melhor, berrados por cúmplices nacionais – e a destruição da propriedade do Estado, tal se deveu à espantosa coragem física dos agentes e ao excepcional treino e preparação psicológica ministrado pelas autoridades. Um exemplo que o mundo viu e comentou. Resta-nos questionar acerca do paradeiro dos “brigadistas” que mercê Schengen livremente  cirandam por Berlim, Amesterdão, Paris, Madrid, Roma, Bruxelas , Atenas, Londres e Lisboa.

Ler o resto pela mão do Lisboa S.O.S.

Deixe um comentário

Filed under Desesperados, Direitos Humanos, Política Caseira

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s