Estão com medo? ou é mais alguma coisa…inconfessável?

[…]

Aliás, o governo tem o dever de apresentar um plano concreto e duro de redução da despesa. Passos e Portas têm um mandato claro para cortar na despesa, para sodomizar as PPP e fundações, para meter as CPs e Carris na ordem, para fechar câmaras e freguesias, para fechar institutos e repartições com o consequente despedimento dos funcionários públicos que estão a mais. Sem esta reestruturação do Estado, que permita a redução da despesa corrente, os contribuintes vão continuar a ser assaltados todos os anos. Esta redução do Estado provocaria manifs, com certeza, mas seriam manifs sem legitimidade, seriam as manifs dos “direitos adquiridos”, algo que a maioria da população já não está disposta a financiar. O Estado tem de emagrecer, até para salvaguardar o essencial (saúde). Se não conseguem fazer isto, se só sabem assaltar o contribuinte à la PS, então o Dr. Portas e o Dr. Passos devem ficar a saber uma coisa: a porta da rua é serventia da casa.

Leia tudo aqui

 

Deixe um comentário

Filed under Cidadania, Democracia, Portugal, Sociedade

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s